Laura Rizzotto: talento brasileiro na Eurovision
Alemanha

Laura Rizzotto: talento brasileiro na Eurovision

Celso Celso Fernandes
2 de abril de 2018
109
0

A primavera vem chegando e com ela mais uma edição da Eurovision! Em quase 11 anos na Alemanha, eu assisti exatamente 0 (zero) edições da competição, porém este ano tenho um bom motivo para pelo menos tentar. O evento, que este ano acontecerá em Lisboa,  começa no dia 08 de maio  e terminará com a grande final no dia 12 de maio. Eu sei o que você está pensando: Eurovision?? Que cafona! Se os próprios participantes não levam a competição a sério, então porque devo eu? Pois é...acontece que desta vez um talento brasileiro estará no palco de braços dados com um dos menores e mais bonitos países da Europa: a Letônia. 

O que é Eurovision?

A Eurovision Singing Contest, mais conhecida como "Eurovision", é a maior e mais antiga competição de canto do mundo. O evento anual foi organizado pela primeira vez em 1956 na cidade de Lugano na Suíça com o intuito de aproximar os países da Europa após os longos anos da Segunda Guerra Mundial. A competição que em 1956 contava com apenas 7 países, hoje conta com a participação de mais de 40 nações. Entre os participantes de 2018 estão quase todos os países europeus, nações próximas a Europa (Ex: Israel, Kazaquistão) e até mesmo a Australia.

Basicamente, a população de cada país escolhe uma canção e um artista favorito para representá-los. Na superfície, a competição parece um evento inocente e divertido, mas nos bastidores a Eurovision é um evento extremamente estratégico e político. Frequentemente as regras precisam ser ajustadas para evitar determinados problemas principalmente na hora da votação. Estão automaticamente classificados para a final os países com maior contribuição financeira. Sendo eles: Alemanha, França, Inglaterra, Espanha e Itália. É proíbido votar para um cantor do seu próprio país, mas geralmente as pessoas formam preferências devido a semelhanças culturais, visão política, etc e tal. Por exemplo, Chipre sempre dá os mais altos votos para Grécia e a Grécia constuma fazer o mesmo para o Chipre. Os países escandinavos costumam apoiar uns aos outros, os eslavos também têmo seu quadrado e por aí vai. 

Vence a competição o país que acumular a maior quantidade de pontos. O sistema de votação vive sendo ajustado e atualmente, além dos jurados especializados, é feita também por telefonemas e mensagens de texto de pessoas que vivem nos países envolvidos na competição. Com a peculiaridade que o alemão não pode votar no candidato do seu país, tem que escolher uma canção de outro país. Isso estimula o entendimento entre os povos e a valorização da arte dos demais.

 A Irlanda é a campeã de vitórias e a Alemanha, Espanha e Itália estão na lanterna. 

Quem é Laura Rizzotto?

Laura é uma cantora brasileira que vive atualmente em New York e iniciou sua carreira no Brasil com 15 anos. Aos 16 anos foi contratada pela Universal Music do Brasil, aos 17 anos lançou seu primeiro álbum com músicas autorais “Made in Rio” e ainda aos 17 anos seguiu para os EUA, após ganhar bolsa para estudar composição em Berklee, em Boston.

Depois de lançar o seu primeiro CD nos EUA, fez o mestrado de música na Universidade de Columbia, onde se formou ainda com 22 anos. Logo em seguida aos estudos, lançou seu terceiro trabalho e agora aos 23 anos terá a oportunidade de participar da Eurovision.

Como a Letônia tem apenas 2 milhões de habitantes e poucos recursos para a divulgação, é muito importante que os brasileiros que vivem na Europa e que gostarem da música da Laura divulguem entre seus amigos e familiares, além da naturalmente votarem, quando for a ocasião. Os brasileiros que vivem no Brasil não podem fazê-lo mas podem divulgar o vídeo e principalmente ouvir e compartilhar a música no Spotify.

Esta foi a apresentação dela na final e a mesma música ela vai cantar na Eurovision para 200 milhões de pessoas:


Maiores informações sobre a carreira dela estão disponíveis no site www.laurarizzotto.com.

The Good Food
Boas-vindas!
Celso Fernandes
Celso Fernandes
Autor
Engenheiro, empreendedor e programador de fim de semana.  Natural de Petrópolis, RJ. Trinta e poucos anos de idade e há dez anos vivendo na Alemanha. Escreveu o primeiro post no Batatolandia em 2008 e desde então não parou mais. Adora responder perguntas 

Comentários

Cadastro Login
Login com rede social
ou
Esqueceu a senha?
Cadastro Login
Login com rede social
ou
Uma confirmação será enviada por email
Cadastro Login
Cadastro